Do Computador ao Telefone

Quem conta: julianacasemiro
Conta mais: sobre sorrir.

Trabalhamos juntos há tempos, mas nos vimos só duas vezes. O contato virtual sempre foi ótimo, mas naquele dia ele decidiu ligar. Era o início do meu processo de despedida.

Me disse que estava triste, “como se uma irmã estivesse indo embora” e gastou 31 minutos do seu dia para me elevar, algo que não sei se vivi antes, mesmo com tantas pessoas temporárias maravilhosas que já passaram pelo meu caminho.

No final, deixou um conselho que vou carregar sempre:
– Nunca deixe de sorrir. Sorriso no inverno vira primavera.

Me faltaram palavras, mas agradeci tudo e muito. Desliguei aos prantos, com muita gratidão à vida por ter nos conectado além da tela do computador.

2 replies to “Do Computador ao Telefone

  1. É tão bom quando podemos sentir que outro ser nos viu com seu coração, é gratificante. Nos sentimos verdadeiramente reconhecidos e isso nos fortalece para o caminho da luz. Que esse seu caminho esteja sempre florido, como a primavera.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star