No Frio

Quem conta: terezinhaloureiro
Conta mais: o gesto foi temporário, mas o orgulho pelo meu filho é eterno.

Isso aconteceu há uns dias, quando estava muito frio!

Eu ouvi lá da rua um vendedor gritando:
– Olha o picolé!
E pensei alto “como é que alguém iria comprar um picolé nesse frio”!

Ouvindo isso, meu filho (Lorenzo, 11 anos), disse:
– Já volto, mamãe!
Minutos depois, ele chegou:
– Peguei R$10,00 das minhas economias, comprei um picolé e deixei o troco para o vendedor!

Era um senhor com idade avançada, pois pude ver da janela. Talvez nunca mais ele passe na minha rua, talvez nunca mais o veja no bairro, talvez meu filho nunca o encontre outra vez. Mas o que meu filho fez aqueceu meu coração naquela manhã fria!

Fiquei orgulhosa dele e espero que o vendedor encontre sempre pessoas que gostem de picolés no frio por aí!

3 replies to “No Frio

  1. Ohhh, Raiana!! Obrigada, viu!? Lorenzo tem esse diferencial…e isso é dele! Eu não o obrigo a fazer nada! Em nossa familia, buscamos praticar o bem e acho que a semente germinou em um terreno fértil e já está dando (bons) frutos! #gratidãosempre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star